Hoje é:

  Blogue diário Notícias do Pedal,tudo sobre bicicletas em: revistanoticiasdopedal.blogspot.pt -»  Clique...
 

Estatuto Editorial | Ficha Técnica | Apresentação | Galeria Multimédia | Contactos
 
 
 
Paraciclismo
 
 

“Seleção Nacional/Telmo Pinão e Bernardo Vieira encerram mundial com participação positiva”

Por: Ana Nunes
Terminou o Campeonato do Mundo de Paraciclismo, em Baie-Comeau, na região do Quebec, no Canadá com as provas de fundo da classe C (bicicleta). Bernardo Vieira (C1) foi sexto e Telmo Pinão (C2) terminou mesmo à beira do top 10, na 11.ª posição.
Bernardo Vieira e Telmo Pinão regressaram à competição no Campeonato do Mundo de Paraciclismo para disputarem as respetivas provas de fundo. Bernardo Vieira enfrentou uma corrida difícil dado que, segundo o selecionador nacional de paraciclismo, “não está na sua melhor forma física”. O português terminou na sexta posição, a uma volta do vencedor, o espanhol Ricardo Tem Argiles.
Telmo Pinão esteve no grupo da frente durante as primeiras voltas, mas um problema mecânico levou a que perdesse o contacto com o grupo. Um esforço extra permitiu que conseguisse recolar, mas acabou por se pagar mais tarde, pois viria novamente a ficar para trás.
Nesta altura, sensivelmente a meio da prova de 70,2 quilómetros, juntou-se a um grupo que seguia em posição intermédia. Na última volta ainda ganhou alguma vantagem na subida, de forma a tentar entrar no top 10 final, acabando por ser alcançado. Assim, o atleta português fechou na 11.ª posição, a 6m56s do francês Alexandre Leaute, que venceu a prova.
O selecionador nacional, José Marques, falou sobre a prestação de Bernardo Vieira e Telmo Pinão, fazendo também um balanço sobre a participação da seleção nacional neste Campeonato do Mundo de Paraciclismo. “O Telmo vinha muito bem na fase inicial, mas a corrente dele saltou, o que fez com que tivesse de fazer um esforço extra para voltar ao grupo da frente. Não foi uma corrida fácil, mas está de parabéns pelo que fez, tendo lutado pela 10.ª posição até ao final. O Bernardo, apesar de não estar num bom momento de forma também esteve bem. No geral diria que estamos de parabéns e é de louvar o esforço e o trabalho que estes atletas fizeram neste mundial. O Luís esteve novamente na luta pelo pódio e o Flávio, apesar de ter tido uma classificação mais modesta, fez um bom trabalho perante um grupo de paraciclistas de grande nível. Saímos daqui com uma medalha de bronze, conquistada pelo Luís, e somámos também pontos importantes”.
Fonte: Federação Portuguesa Ciclismo

 
  Estatuto Editorial | Ficha Técnica | Apresentação | Galeria Multimédia | Contactos
Revista Notícias do Pedal

 

Copyright © 1999 a 2022 - ® Revista Notícias do Pedal - Todos os Direitos Reservados
Este site está optimizado para ser visualizado em 1347x533