Blogue Notícias do Pedal, diáriamante tudo sobre bicicletas em: revistanoticiasdopedal.blogspot.pt
 Notícias do Pedal Revista Estatuto Editorial  ●  Ficha Técnica ●  Links  ●  Calendários  ●  Galeria Multimédia  ●  Contactos Siga-nos

   

Triatlo

“Trio na prova de arranque da WTS em Abu Dhabi 2018”

 

 

Realizou-se no dia 2 de março, a 1ª etapa do campeonato do mundo em Abu Dhabi, distância sprint. Photos by Viviane Slonoiewicz
Eram 9h36 na hora portuguesa quando partiu a elite masculina, entre eles os portugueses João Pereira e João Silva. Esta competição deu o pontapé de saída da época das competições de triatlo WTS (World Series Triathlon), contando com uma participação renhida entre os mais bem-conceituados atletas mundiais, como Mario Mola, de Espanha, Richard Murray, da África do Sul, ou Jonathan Brownlee, da Grã-Bretanha.

João Silva alcançou um excelente 6º lugar no seu regresso às provas
João Silva foi o melhor português em prova, realizou três segmentos muito equilibrados, saiu do segmento da natação em 32º, mas foi sempre subindo de posição, acabando por conseguir um excelente 6º lugar, com o tempo 57 minutos e 45 segundos.
«A prova acabou por correr bem, tive algumas dificuldades na parte da natação e como estive algum tempo sem competir, ainda não automatizei algumas particularidades das corridas, como as saídas e transições, que fazem parte da prova.», explica João Silva .
O triatleta explicou também as dificuldades do percurso, principalmente de ciclismo. «O percurso de bicicleta era bastante difícil e duro, dificultado ainda mais pela chuva devido ao piso escorregadio. Houve muitas quedas de bons atletas, e isso acabou por afastá-los dos primeiros lugares. Eu consegui evitar as quedas.»
João Silva fala também do regresso às provas internacionais: «Estou contente com esta primeira prova, não fiz nenhuma preparação especial para estar aqui, isto acaba por ser uma prova de preparação para a qualificação olímpica que inicia em maio. A próxima competição é só daqui a dois meses, a ITU World Triathlon Yokohama, dia 12 de maio. Até lá vou dar o meu melhor e esperar que tudo corra bem.» remata o triatleta satisfeito com os resultados.

João Pereira sofreu uma queda de bicicleta, o que o afastou dos primeiros lugares…
Tal como outros excelentes triatletas em prova, João Pereira sofreu uma queda de bicicleta e ficou sem mudanças, acabando por terminar a prova em 37º lugar, com 59 minutos e 42 segundos. «Cai na bike e as mudanças deixaram de funcionar, não tive muita sorte. Mas a prova é sempre tão competitiva que decidi continuar e lutar pelo melhor com o que tinha ainda», explica o triatleta.

João Pereira e Melanie Santos na preparação para a prova
Henri Schoeman, da África de Sul, conquistou o primeiro lugar na prova, saindo sempre dos três segmentos na liderança, acabando por terminar a competição em 00:57:03. De recordar que o triatleta vencedor foi medalha de bronze nos Jogos Olímpicos de 2016.
A prova feminina contou com uma excelente prestação da nossa triatleta portuguesa!
Na prova de elite feminina, Melanie Santos alcançou um excelente 5º lugar, com o tempo de 01:01:24, realizando uma ótima prestação nesta estreia de provas WTS, muito constante em todos os segmentos, tendo estada inserida no primeiro grupo grande parte da prova. A triatleta quase que subia uma posição, devido a uma desclassificação da triatleta americana Kirsten Kasper, mas que foi posteriormente apelado e aceite.
A atleta terminou a prova visivelmente satisfeita com o resultado obtido. «Correu muito bem, foi a prova da minha vida em WTS, não podia estar mais contente! Arrisquei, tive uma atitude agressiva durante a competição. Fiz uma natação muito boa e depois tentei manter no ciclismo. Como não sou muito explosiva, e este era um percurso muito técnico, aproveitei a minha técnica na bicicleta para não me desgastar muito. Dei tudo o que tinha na corrida e correu bem (embora só tenha começado a correr na rua há duas semanas devido a lesão). Estou rodeada de pessoas que confio a 100%, por isso agora é voltar ao trabalho e continuar focada», explica Melanie.

Melanie ficou muito satisfeita com a sua prestação em prova
Rachel Klamer, da Holanda, foi a primeira mulher a cortar a meta com o tempo 1:00:43, estreando as suas vitórias em provas WTS.
Fonte: FTP

~


 

Estatuto Editorial  ●  Ficha Técnica  ●  Links  ●  Calendários  ●  Galeria Multimédia  ●  Contactos

Copyright © 2018 - ® Revista Notícias do Pedal - Todos os Direitos Reservados
Este site está optimizado para ser visualizado em 1366x768